ENTREVISTA-LG

Luis G. Canomanuel, presidente da International Public Relations Network, IPRN

Luis G. Canomanuel

Presidente

International Public Relations Network, IPRN

Como Diretor de Comunicação de BMW Ibérica e membro do Comitê Internacional de Comunicação da BMW AG em Munique, participou da construção do Dircom España, que foi fundado em 1992, ano que ele também fundou sua própria consultoria, LUCA Comunicación Corporativa, com a qual segue sendo consultor por mais de 25 anos. Foi consultor de Comunicação Estratégica de da BMW, Porsche, Discovery, BP, Land Rover e Lutron, entre outras empresas; nos anos 1990 e 2000, dirigiu e desenvolveu projetos de comunicação de todo tipo, em diversos setores, como o Prêmio BMW de Pintura, que segue brilhando e se aproxima das 30 edições, ou a Equipe Oficial BMW de Competição, protagonista indiscutível da competição de automóveis nos anos 1980 e 1990 na Espanha.

Formado em Ciências da Informação e Jornalismo, trabalhou durante oito anos em diversos meios nos anos 1970, chegando a ser redator chefe de Autopista, além de sua dedicação profissional ao esporte, como piloto de automóveis, conseguindo diversos prêmios, como o título de Campeão da Espanha em 1975, e foi piloto titular da equipe Nacional Espanhola de F3 em 1977. Passou depois pela Direção Esportiva e de Imprensa da Federação Espanhola de Automobilismo e da Equipe Nacional Espanhola de Automobilismo, quando passou para o mundo privado, como Diretor de Comunicação da companhia importadora para Espanha da BMW, Porsche, Kawasaki, Alfa Romeo e os barcos Abbate.

Tornou-se parte, pouco depois, da BMW Ibérica, filial da BMW AG, na qual permaneceria 8 anos. Com diversos colegas internacionais, estabeleceram nos anos 1990 IPRN, organização da qual é atualmente Presidente Executivo e Chairman de seu comitê Project of the Year, e da qual foi Chairman no ano 2000. Participou em congressos, seminários e fóruns de comunicação em vários países, escreveu artigos sobre comunicação em diversos meios, é mentor do “The Heroes Club”, professor associado da IE Business School, entre outras atividades que desenvolveu ou exerce atualmente.


P: IPRN é uma rede internacional de consultorias de comunicação independentes de alcance global. Como esta realidade favorece o desenvolvimento da profissão da comunicação no mundo?

R: Fazemos isso por meio dos principais objetivos e estratégias que definimos na IPRN, que são: o intercâmbio de conhecimento, experiências e boas práticas entre nossos membros; a melhora da eficiência e da reputação das agências/consultorias membros; a capacidade de proporcionar aos clientes internacionais de nossas agências a oportunidade de trabalhar em outros países com os melhores profissionais e potencializar o talento das equipes de nossas empresas, favorecendo intercâmbios e a oportunidade de trabalhar juntos em projetos internacionais.

P: Até que ponto você considera que o desenvolvimento de plataformas institucionais como Fundacom pode ser central para o reconhecimento da figura do diretor de comunicação?

R: O Diretor de Comunicação se converteu em uma figura muito central em qualquer organização que se preze, especialmente nas de dimensão internacional, por isso o intercâmbio de conhecimento, experiências e networking que proporciona Fundacom a todos seus membros, e por meio das atividades que ela organizará, é muito importante para facilitar seu desenvolvimento profissional, comunicação e conhecimento. A profissão do Diretor de Comunicação tem implícita a necessidade que cada dia se aprenda algo novo, e no âmbito da Fundacom há muito que compartilhar e aprender.

P: Por que considera que uma conferência como Cibecom, cujo eixo é a comunicação e a reputação, é importante para o desenvolvimento do tecido associativo internacional no âmbito da comunicação?

R: A comunidade latino-americana, com 700 milhões em diversos países, necessitava de um foro com estas características, tão comuns no mundo anglo-saxão, que dispõe de uma representação muito boa no setor por meio de muitas associações e organizações. No caso da IPRN, que tem uma origem e implantação anglo-saxônica, estávamos desejando participar e colaborar com uma cimeira como Cibecom para por esta região no foco da atenção de nossos membros e seus muitos clientes em todo mundo que estejam interessados nessa região, assim como para reforçar nossa presença LatAm.

Este sitio web utiliza cookies propias y de terceros, para recopilar información con la finalidad de mejorar nuestros servicios, para mostrarle publicidad relacionada con sus preferencias, así como analizar sus hábitos de navegación. Si continua navegando, supone la aceptación de la instalación de las mismas. El usuario tiene la posibilidad de configurar su navegador pudiendo si así lo de sea, impedir que sean instaladas en su disco duro, aunque deberá tener en cuenta que dicha acción podrá ocasionar dificultades de navegación de la página web.

ACEPTAR
Aviso de cookies